Por Laís Oliveira

Os Estados Unidos seguem em um debate inflamado a respeito do direito ao aborto. Protestos pró e contra o direito da mulher abortar foram organizados no país após documentos vazados sugerirem que a Suprema Corte pode reverter a decisão conhecida como Roe versus Wade – quando a Suprema Corte dos EUA reconheceu o direito das mulheres de fazer um aborto no país.

No rascunho de um documento publicado pelo site Politico, o juiz conservador Samuel Alito afirma que a decisão de 1973, Roe versus Wade, é “flagrantemente errada” e que o direito constitucional ao aborto deve ser anulado. Muitos grupos pró-aborto seguem se manifestando contra Samuel Alito.

Enquanto a Suprema Corte não toma a decisão final a respeito do tema, a Soul Brasil indica 8 filmes que retratam a questão polêmica do aborto para que você possa se aprofundar e debater. Confira:

Dirty Dancing (1987)

Um clássico do cinema, o filme retrata Baby, uma jovem rica, que vai a um acampamento com a família, onde trabalha Johnny, um instrutor de dança. Junto de Penny (Cynthia Rhodes), a dupla arrasa nos movimentos, mas a moça precisa deixar o trabalho, pois fica grávida e decide fazer um aborto. Penny então precisa de dinheiro para tentar fazer o procedimento de modo informal já que o filme se passa nos anos 60 e não havia legalização.

Story of Women (1988)

O filme se passa no interior da França ocupada por nazistas durante a Segunda Guerra Mundial, e uma mulher analfabeta e mãe de duas crianças ganha uma vitrola de sua vizinha após ajudá-la a fazer um aborto. O episódio faz com que ela passe a fazer abortos clandestinamente para conseguir sustentar sua família.

Vera Drake (2004)

Na Londres de 1950, Vera Drake (Imelda Staunton) mora com seu marido Stan (Philip Davis) e seus filhos já crescidos numa casa. Eles não são ricos, mas formam uma família feliz e unida. Vera trabalha como faxineira e Stan é mecânico na oficina de seu irmão. Porém Vera mantém uma atividade paralela que esconde do resto da família: sem aceitar pagamento, ajuda jovens mulheres a abortarem. Quando uma dessas garotas precisa seguir para o hospital, a polícia começa uma investigação que faz o mundo de Vera desabar.

4 Months, 3 Weeks and 2 Days (2007)

O filme belga se passa numa pequena cidade romena que vive seus últimos dias de comunismo. Otilia e Gabita são colegas de quarto na universidade e se veem em uma situação complicada quando Gabita engravida e o aborto no país é ilegal. Esta então procura Sr.Bebe para para resolver seu problema, porém questões mal acertadas complicam o caso de Gabita.

Grandma (2015)

Elle Reid (Lily Tomlin) está em luto após perder sua parceira com quem viveu durante 38 anos. Antissocial e com um senso de humor ácido, ela terá que sair de “sua bolha de proteção” quando sua neta pede ajuda para realizar um aborto. As duas enfrentam uma viagem de um dia, que faz Ellie ter que confrontar seu passado e florescer, enquanto a jovem terá que se preparar para enfrentar o futuro após sua decisão de interromper a gravidez.

Never Rarely Sometimes Always (2020)

No longa, as melhores amigas e primas inseparáveis ​​Autumn (Sidney Flanigan) e Skylar (Talia Ryder) moram na Pensilvânia e navegam precariamente na vulnerabilidade da adolescência feminina. Quando Autumn inesperadamente engravida, ela é confrontada com uma legislação conservadora que impede um aborto. Com o apoio de Skylar e recursos ousados, o dinheiro para financiar o procedimento é garantido e a dupla embarca em um ônibus para Nova York para encontrar a ajuda que o Autumn precisa.

Unpregnant (2020)

Unpregnat acompanha Veronica (Haley Lu Richardson), uma menina de 17 anos, aparentemente certinha, do Missouri. Quando ela descobre que está grávida e seus planos de ir para uma universidade de prestígio podem ser arruinados, ela deixa a ridigez de sua vida para trás e embarca em uma viagem de carro com sua ex-melhor amiga, Bailey (Barbie Ferreira), para o Novo México para tentar realizar um aborto.

Plan B (2021)

No filme americano, uma jovem estudante do ensino médio vive uma confusa primeira experiência sexual, e na manhã seguinte, percebe que precisará de um plano B, para evitar problemas futuros. Junto com sua melhor amiga, a garota tem 24 horas para encontrar uma pílula do dia seguinte, o que naquela cidade, pode ser mais complicado do que elas imaginam.

Facebook Comments