Após quase 30 anos desde sua última capa nua, Demi Moore voltou a se despir aos 56 anos. A atriz posou para a edição de Outubro da Harper’s Bazaar vestindo apenas um chapéu pink Lynn Paid e um bracelete de diamantes.

A última vez que fez isso foi em 1991, resultando em uma icônica capa para a Vanity Fair. Grávida de sete meses de sua segunda filha, ela foi clicada pela fotógrafa Annie Leibovitz.

Na edição deste ano, que estará à venda em Outubro, Demi fala sobre sua experiência como mãe de Rumer Willis, de 31 anos, Scout Willis, 28, e Tallulah Willis, 25, frutos de seu relacionamento com Bruce Willis. Para a atriz, a maternidade era seu “grande objetivo”, o único destino possível para se sentir realizada.

À Harper’s Bazaar, Demi revelou que sofreu um aborto durante o seu relacionamento com Ashton Kutcher e que se culpa por isto. A atriz  falou abertamente sobre o assunto uma vez que irá lançar em breve um livro de memórias – ‘Inside Out’, no qual relata precisamente estas passagens.

O aborto aconteceu em 2005, quando ela tinha 42 anos  e Ashton 27. A atriz estava com seis meses de gestação e a menina iria se chamar Chaplin Ray. A relação com Kutcher sobreviveu ainda mais seis anos, até ambos decidirem separar-se em 2011, concluindo o divórcio no ano a seguir.

Nas redes sociais, após a capa ter sido divulgada em diversos perfis de divulgação de notícias e fofocas, uma onda de reações criticava a edição da imagem e dizia que havia muita manipulação nas fotos. “Muito Photoshop”, é a opinião que reúne unanimidade entre os internautas.

Facebook Comments