Na década de 1950, os CEOs de empresas dos mais variados portes ganhavam cerca de 20 vezes mais do que seus funcionários médios. Parece justo considerando o título deles, certo? Certo. Mas hoje, de acordo com uma pesquisa feita pela Bloomberg, o típico CEO da Fortune 1.000, por exemplo, ganha aproximadamente 144 vezes mais do que seu trabalhador médio.

O sistema favorece quem tem mais dinheiro e últimos anos isso se tornou muito mais aparente. Os ricos ficam mais ricos e muitos de nós, do outro lado da ”corda”, estamos apenas tentando sobreviver. Você pode até pedir um aumento ao seu chefe ou tentar suas chances apostando em Las Vegas ou na loteria, etc, mas nada disso tem garantia de retorno. Então, como fazer esse sistema ser um pouco mais justo para você também? Aqui estão três (3) maneiras infalíveis de “colar” no The Man.

Lute contra os gerentes “Hedge Funds” bilionários ou fundos multimercado

Hoje em dia você pode revidar usando um aplicativo de microinvestimento e consultor robótico como o Acorns. Ele pega seus depósitos e os investe automaticamente em um portfólio diversificado. Esta solução personalizada simplifica o investimento e você ganha muito mais do que iria ganhar deixando dinheiro guardado em uma conta poupança.

É possível também usar outros aplicativos de finanças que simplificam o investimento, tornando mais fácil e acessível para as pessoas até leigas construírem riqueza e alcançarem seus objetivos financeiros. O Stash, por exemplo, foi construído com uma filosofia simples: todos devem ter acesso a investimentos. Graças às ações fracionárias, qualquer pessoa pode investir no mercado de ações com $ 5 ou menos.

Diga adeus ao seu banco tradicional

Você já sabe disso, mas vamos frisar: o banco que você guarda seu dinheiro enriquece às suas custas! Primeiro, eles cobram todas aquelas taxas insanas ou oferecem produtos cheios de “facilidades” de pagamento. Daí fazem toneladas de juros sobre o seu dinheiro, mas só lhe dão 0,05% (em média) de rendimento. Fácil, não é?  Então se você está cansado de ser roubado, encontre um banco digital ou um que seja possível criar uma conta que não cobre taxas ridículas e ganhe muito mais juros sobre suas economias – afinal, é o seu dinheiro.

Um cartão de débito chamado Aspiration, por exemplo, permite que você ganhe até 5% em cashback toda vez que passar o cartão e até 16 vezes a média de juros sobre o dinheiro em sua conta. Além disso, você não precisa pagar uma taxa mensal de manutenção da conta e seu dinheiro é segurado pelo FDIC e sob uma criptografia de nível militar.

Você também pode tentar cooperativas de crédito, pois elas são construídas em torno do serviço, não do lucro. Ao invés de devolver fundos como dividendos aos acionistas, as cooperativas de crédito retornam lucros além das despesas operacionais aos membros na forma de melhores taxas, serviços aprimorados ou acesso a serviços e proteções de depósito como grandes bancos, mas suas contas normalmente têm taxas melhores.

Peça ajuda para pagar sua fatura de cartão de crédito

Enquanto você está estressado com suas dívidas, a empresa de cartão de crédito fica rica com essas taxas de juros insanas. Uma boa alternativa para evitar o desespero é uma Fiona – ela pode te ajudar a pagar essa conta já amanhã. Veja como funciona: a Fiona combina contigo um empréstimo com juros baixos que você pode usar para pagar todos os saldos do cartão de crédito que possui. O benefício? Você fica com apenas uma conta para pagar todos os meses e, como a taxa de juros é muito menor, é possível sair da dívida muito mais rápido.

Além disso, nenhum pagamento com cartão de crédito este mês virá para você! Se sua pontuação de crédito for de pelo menos 620, a Fiona pode te ajudar a pegar emprestado até US$ 250.000 (sem necessidade de garantias) com taxas e prazos fixos de 6 a 144 meses. A Fiona usa uma consulta de crédito suave quando verifica ofertas com seus credores parceiros. Isso significa que sua pontuação de crédito não será afetada negativamente quando for verificar ofertas de empréstimo por meio da Fiona.

Para finalizar

Claro, existem outras opções, mas também vários “golpes” por trás de ofertas que parecem ser excelentes. As poucas opções que demos aqui foram pesquisadas e escolhidas baseadas em avaliações tanto de consumidores quanto de experts no assunto. Se você gostou do artigo ou achou interessante, compartilhe. Fica aqui nosso agradecimento.

Facebook Comments