Por Tania Ferraz

A natureza é colorida e dotada de uma mistura de cores incríveis com a harmonia sempre presente. Cada um de nós tem sua cor (da pele, dos olhos, dos cabelos). Nossa língua é vermelha, os dentes claros, o sangue vermelho (com vários tons), e muito mais. Uma infinidade de cores – das mais claras às mais escuras.

O interessante é que às vezes colocamos uma roupa de uma determinada cor e achamos que ficamos bem. No dia seguinte colocamos a mesma roupa e nos achamos horríveis. O dia tem a sua cor própria e nós também temos a nossa cor pessoal.

Os chacras (ou roda) giram em sentido horário e anti-horário e toda a nossa vivência está contida em cada um dos chacras existentes. Eles possuem todo o nosso histórico. O mau funcionamento dos chacras traz uma série de consequência físicas, espirituais, psicológicas e emocionais. E cada um deles tem sua cor própria. Nós temos uma infinidade de chacras. A seguir listamos os principais:

Chacra Básico – está ligado ao mundo físico. Elemento fogo.  Cores: vermelha e marrom; elemento terra.  Representa a experiência do zero até sete anos de idade , quando não há harmonia na família, há relacionamentos conflitantes, dificuldades financeiras, falta de emprego, baixa autoestima, problemas conjugais, dificuldade de viver a vida e não há confiança nas pessoas. Os assuntos visam interesses materiais e há dificuldade de dar e receber amor, com sentimentos como raiva, vingança, instinto negativo.

 Como cuidar para harmonizar esse chacra: Entrar em contato com a força do Sol. Usar peças vermelhas ou marrom, pensamento na luz vermelha. Andar descalço por uns 5 minutos e dizer: “Eu sou seguro. Eu sou próspero. Sou nutrido pela Mãe Terra. Abundância está na minha vida”. 1-Mastigar bem os alimentos; 2- dormir bem; 3- beber mais água.

Chacras Umbilical – está ligado ao elemento água. Cor – laranja. Representa a experiência dos 14 até os 21 anos de idade. Associado às emoções (raiva, medo, mágoa, tristeza, remorso, arrependimento. Não aceita a vida, desejos não realizados, ansiedade, angústia, depressão, ódio. Complexo de Inferioridade. Não passa conhecimento.

Como cuidar desse chacra: Luz laranja (usar durante três dias, pare e use mais três dias), procure ter banhos mais demorados (banheira, cachoeira, mar, piscina. Olhar,  agradecer à lua e dizer: Estou seguro para pode expressar as minhas emoções. Sou flexível e aberto. Abraço a minha sexualidade, ela é parte natural do meu ser. Usar alecrim.                              1- ler um livro por prazer, 2- Cortar vícios álcool cigarro etc., não ficar se expondo em rede sociais.

Chacra Plexo Solar – Cor Amarela com o Sol sendo o centro da força de vitalidade. (Localizado na primeira vértebra lombar L1, atrás do estômago). É através dessas energias que nos relacionamos de forma ativa com as pessoas. Expressão “soco no estômago” – quando alguém não responde por ex: ao nosso bom dia, nele está toda a nossa criatividade, os nossos talentos. Quando não bem equilibrado nos sentimos inadequados e temos medo. A timidez é um ponto muito forte, somos muito críticos, derrotistas, pessimistas e sem vontade. Além disso, há ciúme e inveja.

Para Cuidar desse chacra: Visualizar a cor amarela, pois é energética (Apometria Quântica). Entrar em contato com o sol para que este queime todos os medos e os complexos. Imaginar a planta Girassol. Pode usar a lâmpada amarela por três dias, depois para e usa mais três dias. Comer batata, milho, banana, alimentos ricos em carboidratos irão fazer bem para o estômago e o baço. Desenvolver o bom humor, respeito por si e pelos outros e a vontade. Dizer: Eu me aceito. Eu me dou atenção. 1-organizar tempo e descansar 2- Colocar limites de horário, 3-gerar atividades que estejam conectadas com você

Chacra Cardíaco Cor verde. A Cor da saúde, da natureza e da Vida. A capacidade de amar e ser amado. Está localizado no meio do peito. Ele tem tons de rosa e dourado. Amor incondicional.  Sua função é unir os três chacras inferiores com os três chacras superiores. Responsável pelo sistema imunológico. É o mediador do corpo e do espírito, é a morada da alma. Responsável pelos nervos, sangue, sistema circulatório. Chacra do perdão e determina saúde e força. Quando não está em equilíbrio, a pessoa tem amargura no coração, cultua a raiva e a inveja. São pessoas obsessivas, críticas, intolerantes, não amam, não se entregam, possuem egocentrismo e são amargas. Podem desenvolver doenças do pulmão, coração, dores nas costas nos ombros, alergias.

 Para curar o Chacra Cardíaco é preciso de limpeza energética.   O autoconhecimento é muito importante para se livrar das carências dessa vida e de outras. Mágoas são responsáveis pelo mau funcionamento desse chacra. Faça algumas perguntas como “Por que de tanta amargura, raiva, falta de disposição”? . Diga a si mesmo: “eu possuo a coragem dentro de mim porque me sinto amado. Recebo presentes com facilidade. Amo as pessoas mesmo que elas não concordem comigo. Confio em mim”. 1- Elogiar uma pessoa diferente por dia. 2- Fazer ações e atividades junto com outras pessoas. 3 – Demonstrar mais carinho dar mais presentes.

Chacra Laríngeo – Cores: azul, prateada e esverdeada.  O Chacra da garganta, da comunicação. Pertence ao elemento Éter, responsável pelos sentidos, audição e glândula tireóide. (nuca, queixo, pulmão, traqueia, bronquite esôfago, voz, braços. Quando em harmonia este chacra nos permite deixar a nossa criatividade fluir, nos expressamos com sabedoria, damos o nosso amor. Quando em desarmonia falamos palavras ásperas, xingamos, praguejamos, temos dificuldade de entrar em contato com os próprios sentimentos.

Como melhorar o Chacra Laríngeo: Usar a lâmpada azul claro. Prestar atenção aos nossos pensamentos (somo frutos do que pensamos). Pergunte-se: sou sincero comigo? Diga: sinto que tenho segurança para expressar alegria.  Acredito que sou bom o bastante para fazer o meu melhor. Minhas palavras são de esperança e fé no futuro. Investir em atitudes gentis. 1- cortar fofocas e puxa-saquismo; 2- mandar mensagem de voz; 3- cortar palavras negativas e palavrões.

Chacra Frontal – A cor é azul fica localizada no centro da testa (terceira vista). É ele quem envia todos os nossos comandos ao corpo. Chacra da intuição. Fazemos várias coisas ao mesmo tempo e não nos damos conta. Às vezes queremos fazer algo e protelamos, deixamos para mais tarde. Somos hoje resultado do que fizemos ontem. Quando está bem ativado esse chacras enxergamos além. A intuição é a observação que fazemos ao colher todos os detalhes e com isso montamos um quebra-cabeça. Achamos as peças com mais facilidade do que os demais . Quando esse chacra não está equilibrado sofremos, pois continuamos a fazer as mesmas coisas e esperando um resultado diferente. (Não sabe pensar). Problema mental.

Como melhorar esse chacra: 1 – mudar os pensamentos; 2 – estudar o caminho da sua espiritualidade e 3- refletir sobre sua missão.

Chacra Coronário – Cores: violeta ou branco. É através dele que nos conectamos com o plano espiritual. Temos que estar alinhados com ele. Por esse motivo é que temos que tratar dos outros chacras. Encontro da Kundalini e Shiva. Kundaline é a nossa força interior, a vontade da nossa alma que muitas vezes se encontra adormecida.  Shiva é o bondoso Deus Hindu, destrói e constrói a energia transformadora. Quando ativamos essas energias todo o processo de transformação ocorre trazendo benefícios únicos.  A determinação aliada às experiências leva à excelência do nosso ser.

Como melhorar esse chacra: 1- Meditar, orar para o divino; 2- fazer um serviço de caridade, altruísmo e 3- Entender os desafios e aprender com eles.

*Tânia Ferraz vive em São Paulo, é psicóloga clínica e lecionou na faculdade paulistana de Ciências e Letras. Atualmente pesquisa e trabalha com terapias alternativas como PNL, Vidas passadas, Apometria Quântica e Numerologia –  tanifer_at_uol.com.br  

Facebook Comments