A estrela da NBA, e jogador do Los Angeles Lakers, LeBron James, foi eleito pela revista americana Time “o atleta do ano”. O astro teve destaque na temporada após liderar protestos antirracistas e campanhas de incentivo ao voto nos Estados Unidos.

Em sua homenagem, a revista destacou alguns dos momentos de engajamento político e ativismo social do atleta. Em junho, LeBron comandou uma videoconferência com mais de 20 atletas, artistas, profissionais e políticos para discutir o que eles poderiam fazer pelos que manifestavam nas ruas dos EUA por vidas negras após a violenta morte de George Floyd em maio.

Ainda em junho, a estrela do basquete lançou a organização sem fins lucrativos chamada “More Than a Vote”, com o único objetivo de contornar a desinformação e dificuldades colocadas aos negros que pretendiam votar, e levar, assim, mais pessoas negras às urnas.

“Depois de quase duas décadas na NBA, James aceitou totalmente que seu talento na quadra é um meio de alcançar algo maior fora dela”, diz a matéria da revista. “E este ano, mais do que em qualquer antes, ele mostrou porque é incomparável em ambos”.

LeBron se tornou o maior exemplo de ativismo em atletas com perfil planetário em 2020.

Facebook Comments